Brasil – Governo Federal – Ministério da Educação

UFOP Instituto de Ciências Sociais Aplicadas

  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM COMUNICAÇÃO (MESTRADO)

O Mestrado em Comunicação pretende proporcionar a qualificação, em nível teórico, técnico e aplicado, de comunicadores, investigadores e docentes. Voltado para a formação acadêmica continuada, oferece espaço de problematização e produção científica sobre saberes e fazeres do campo comunicacional. Ao desenvolver estudos pelo viés da “Comunicação e Temporalidades”, pretende proporcionar espaço para a reflexão e a crítica, absorvendo demandas concretas, compreendendo identidades múltiplas (nacionais, regionais, locais etc), bem como buscando articulação com outros espaços geográficos e institucionais. Busca contribuir para a qualificação do ensino e da formação de profissionais da sua área primeira de abrangência ou áreas afins, colaborando para a formação autônoma e emancipatória de pesquisadores.

A área de concentração “Comunicação e Temporalidades” congrega duas perspectivas básicas relacionadas aos espaços simbólico e científico que a tangenciam. Propõe-se a refletir sobre a Comunicação tendo como base o papel desta área na interpretação dos complexos processos sociais e comunicativos constituintes do tempo social contemporâneo. Para isso, considera o lugar geográfico e institucional do Programa, atravessado por questões de ordem temporal e históricas, cruzadas por um espectro que perpassa tensas ambiências culturais, políticas e econômicas, além de matrizes tecnológicas e midiáticas. Atentas aos sentidos e significados que agenciam esses aspectos, as duas linhas de pesquisa, estruturadas em projetos de pesquisa e tradições investigativas coletivas e individuais, iluminam a capacidade atratora do Programa. A primeira, “Práticas comunicacionais e tempo social”, volta-se para um olhar crítico e problematizador sobre os imbricamentos entre a comunicação e o tempo. Já a segunda, “Interações e emergências na comunicação”, foca-se, principalmente, na compreensão do tensionamento entre a dimensão técnica e tecnológica dos dispositivos midiáticos e os sujeitos em distintos contextos sóciohistóricos.

O curso pretende receber não apenas estudantes de Comunicação, mas também egressos de diversas formações, que tenham interesses em pesquisas na área da Comunicação e suas interfaces, como Educação, Filosofia, Letras, História, Ciências Sociais, Arquitetura, Informação, Museologia, Turismo entre outras.